Tecnologia Científica

A água da Terra existia antes da Terra
No caso da água, eles rastreiam as várias formas, ou isótopos, de seus átomos constituintes de hidrogênio e oxigênio ao longo da história do universo, como uma gigantesca caça ao tesouro.
Por CNRS - 04/02/2022


Pixabay

Para entender como a vida surgiu, os cientistas investigam a química do carbono e da água. No caso da água, eles rastreiam as várias formas, ou isótopos, de seus átomos constituintes de hidrogênio e oxigênio ao longo da história do universo, como uma gigantesca caça ao tesouro.

Pesquisadores do CNRS, da Universidade Paris-Saclay, da Comissão Francesa de Energias Alternativas e Energia Atômica (CEA) e da Universidade de Pau e Pays de l'Adour (UPPA), com apoio do Muséum National d'Histoire Naturelle (MNHN) ), seguiram o rastro da composição isotópica da água desde o início do sistema solar, nas regiões internas onde a Terra e os outros planetas terrestres se formaram.

Eles fizeram isso analisando um dos meteoritos mais antigos do nosso sistema solar, usando um método inovador desenvolvido apenas para seu estudo. Seus dados mostram que existiam dois reservatórios de gás durante os primeiros 200.000 anos do nosso sistema solar, mesmo antes da formação dos primeiros embriões planetários.

Um desses reservatórios consistia no gás solar no qual se originou toda a matéria do nosso sistema solar. Com o meteorito, os cientistas puderam medir seu registro diretamente pela primeira vez. O segundo reservatório de gás era enriquecido em vapor d'água e já possuía a assinatura isotópica da água terrestre.

Foi criado por um influxo maciço de água interestelar nas regiões internas quentes do sistema solar, após o colapso do envelope interestelar e a formação do disco protoplanetário. A existência inicial deste gás com composição isotópica semelhante à da Terra implica que a água da Terra estava lá antes da acreção dos primeiros blocos constituintes do nosso planeta. Essas descobertas foram publicadas na Nature Astronomy .

 

.
.

Leia mais a seguir